FANDOM


"Por que não devemos nos governar novamente? Foram os dragões aos quais nos inclinamos! E agora os dragões estão mortos! Eis aqui o único rei que eu quero dobrar meu joelho para: o Rei no Norte!"
―Grande Jon Umber jura lealdade a Robb Stark[fonte]


Grande Jon Umber é o Senhor da Última Lareira e o chefe da Casa Umber, uma casa vassala e fiel aos Stark de Winterfell.[1] Ele é mais conhecido como Grande-Jon Umber ou o Grande-Jon para distingui-lo de seu filho e herdeiro, o Pequeno Jon Umber.

História

Antes

Jon Umber é o Senhor da Última Lareira e o chefe da Casa Umber, uma fiel família vassala da Casa Stark de Winterfell. Ele é um guerreiro grande, orgulhoso e formidável. Ele é o pai de Jon Umber, comumente chamado de "Pequeno Jon" para diferenciar os dois e com quem ele aparentemente não teve um relacionamento muito forte.

1ª Temporada

Robb Stark envia corvos as casa vassalas da Casa Stark instruindo-os a montar para uma marcha para Porto Real para libertar Eddard Stark. O Grande Jon lidera um contingente de tropas Umber para se juntar ao grupo do exército Stark em Winterfell. Ele está furioso quando Robb nomeia Galbart Glover para liderar a vanguarda do exército durante uma reunião em Winterfell. O Grande Jon exige a honra para si mesmo e se recusa a seguir um Glover na batalha, ameaçando levar suas tropas para casa. Robb desafia-o dizendo que o prenderá como um traidor se ele retornar do sul. O Grande Jon desembainha sua Espada mas o Lobo de Robb vai para cima dele e acaba o derrubando. Vento Cinzento morda dois dos dedos de Grande Jon.

Catelyn Stark junta-se ao exército em Fosso Cailin. Grande Jon promete que eles vão esmagar os Lannisters e marchar para Porto Real para resgatar Lord Eddard. Ele se opõe a Robb liberando um escoteiro Lannister da custódia, mas Robb exerce sua autoridade e Grande Jon aceita relutantemente sua decisão. O escoteiro havia superestimado o tamanho das forças de Robb.

Greatjon-Profile

Grande Jon discute a vanguarda.

Depois de ouvir sobre a execução de Lord Eddard, Grande Jon declara que ele nunca aceitará nenhum rei da casa Baratheon como seu governante novamente e levará a bandeira da casa Stark, bem como os senhores do rio, proclamando Robb o rei no norte.

2ª Temporada

Enquanto o Rei Robb Stark invade as Terras Ocidentais, Grande Jon é encarregado de libertar as Terras Fluviais da ocupação dos Lannister. Lord Umber expulsa os Lannisters de Solar de Corvarbor e, em seguida, restaura o antigo castelo da casa Blackwood, ele depois ganha outra batalha em Barreira de Pedra, que é então reivindicado pelo seu senhor, Jonos da Casa Bracken.


3ª Temporada

O Grande Jon não está presente nas Gêmeas durante os eventos do casamento vermelho, tornando-o um dos poucos vassalos da Casa Stark que sobreviveu.

Depois que Bran decide viajar ao norte da muralha, ele envia Osha e Rickon para a segurança de Grande Jon Umber por segurança.

6ª Temporada

Quando o filho de Grande Jon, Pequeno Jon Umber, chega a Winterfell para entregar Rickon Stark a Ramsay Bolton, ele revela que o Grande Jon morreu, Ramsay portanto acha o Pequeno Jon de "Lorde Umber". Ele diz a Ramsay que ele poderia ter matado seu próprio pai se ele não tivesse "morrido sozinho", o que implica que sua relação com seu pai não era agradável. Pequeno Jon então trai a crença de seus pais e a lealdade anterior de Casa Umber à Casa Stark, oferecendo Rickon e Osha como um presente para a Casa Bolton, para ser realizada como prisioneira e usada como alavanca contra os Starks.

Aparência e Personalidade

Jon Umber é um homem grande, de quase sete metros de altura. Ele é musculoso e é um guerreiro formidável. Jaime Lannister refere-se a ele como um dos mais fortes homens que vivem em Westeros quando pensa em quem poderia igualar a ele em uma luta.[2]

Jon é orgulhoso, violento e feroz, e impressionado apenas por aqueles que ganham seu respeito. O Grande-Jon possui a maior e mais feia espada que Bran Stark já viu, maior inclusive do que a Gelo.

Nos Livros

Grande Jon leva seus homens quando Robb Stark chama os vassalos da Casa Stark para Winterfell. No começo, ele desafia a autoridade do jovem senhor, ameaçando tomar sua casa a força, se ele não lhe der um lugar apropriado na ordem de batalha. Depois de ser chamado por Robb Stark, o Grande-Jon desembainha sua espada, com isso, o lobo gigante de Robb morde dois de seus dedos. Impressionado com a coragem de Robb, o Grande-Jon faz uma piada sobre isso em vez de ficar com raiva e se torna maior aliado de Robb.[1]

Quando o exército do norte se divide nas Gêmeas, Grande-Jon vai para o sul, com a força de Robb, participando na Batalha do Bosque dos Murmúrios. Depois de Correrrio é recebida a notícia de que Lorde Eddard Stark havia sido executado, o Grande-Jon é o primeiro a declarar Robb Stark o Rei do Norte.[3]

Depois, Grande Jon está presente quando Robb Stark explica seus termos de paz com o Trono de Ferro no Grande Salão de Correrrio. Depois de participar da Batalha de Cruzaboi, Grande-Jon passa a capturar as minas de ouro em Castamere, Abismo de Nunn e as Montanhas de Pendric.[4]

Depois de Robb Stark quebrar o contrato de casamento com os Frey, Jon Umber se oferece para fazer um contrato de casamento para o tio de Robb.[5]

Ele vai em marcha para As Gêmeas para o casamento do Senhor Edmure Tully. Robb planejava retomar Fosso Cailin dos homens de ferro, com isso, ele dá a Jon o comando de parte da tropa lhe instruindo a fazer seu ataque diversionista convincente, como a própria força de Robb em um círculo atrás de Fosso Cailin com a orientação dos cranogmanos.

Durante o Casamento Vermelho nas Gêmeas, Merrett Frey e Sor Whalen Frey têm a tarefa de deixar Jon bêbado para que não conseguisse lutar. No entanto, o Grande-Jon só é subjugado depois de oito homens lidarem com ele. Ele ainda consegue matar um homem, ferir dois outros e morder metade da orelha de Sor Leslyn Haigh.[6]

Depois do Casamento Vermelho, o Grande-Jon é mantida em cativeiro nas Gêmeas.[7]

Depois, Com o Jon Umber ainda sendo mantido prisioneiro pela Casa Frey, uma parte da Casa Umber, liderada por seu tio Hother, O Terror-das-Rameiras, a contragosto jura lealdade a Casa Bolton, embora de acordo com Roose Bolton a sua lealdade é altamente duvidosa. A outra metade do Umbers, sob comando de Mors, O Papa-Corvos, assumem a causa de Stannis Baratheon.

Referências e Notas

  1. 1,0 1,1 A Guerra dos Tronos, Capítulo 53, Bran
  2. A Tormenta de Espadas, Capítulo 21, Jaime
  3. A Guerra dos Tronos, Capítulo 71, Catelyn
  4. A Fúria dos Reis, Capítulo 39, Catelyn
  5. A Tormenta de Espadas, Capítulo 14, Catelyn
  6. A Tormenta de Espadas, Epílogo
  7. O Festim dos Corvos, Apêndice

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.