FANDOM


A Casa Slynt de Harrenhal é uma casa nobre dos Sete Reinos. Mantinha fidelidade diretamente ao Rei Joffrey Baratheon, que ordenou a fundação da casa como uma recompensa pela ajuda prestada por Janos Slynt ao garantir sua posse do Trono de Ferro.

Por sua lealdade, Slynt foi nomeado Senhor de Harrenhal. Harrenhal é um castelo grande e impressionante nas Terras Fluviais, no lago conhecido como Rio do Olho de Deus. No entanto, Harrenhal foi ocupado pela Casa Whent, uma casa vassala dos Tullys, então Slynt não conseguiu tomar posse do castelo até que a atual guerra entre os Lannisters e Starks tenha acabado. Mas, antes que a guerra pudesse terminar, Janos foi exilado para o Muralha para se juntar a Patrulha da Noite por seus crimes, onde ele foi eventualmente executado por insubordinação por Jon Snow, trazendo um fim à Casa Slynt, que foi tão rápida quanto a sua ascensão

História

1ª Temporada

Lorde Eddard Stark pede a Janos Slynt, como comandante da Patrulha da Cidade de Porto Real, para ajudá-lo a tomar Joffrey Baratheon e a sua mãe em custódia e Slynt concorda. No entanto, ele trai Eddard e seus homens matando os guardas de Eddard, com Eddard sendo preso. Como recompensa por seu serviço, Janos Slynt é nomeado Senhor de Harrenhal pelo rei e seu pequeno conselho.

2ª Temporada

Lorde Janos perde Harrenhal depois de ser exilado para a Murulha por Tyrion Lannister. Agora, sob a ocupação da casa Lannister, Harrenhal é concedido a Lorde Petyr Baelish e a Casa Slynt fica sem assento.

5ª Temporada

Janos é executado por insubordinação pelo Senhor Comandante Jon Snow. Após sua morte, o status da Casa Slynt permanece incerto.

Membros

  • Lorde {Janos Slynt}, líder da família, antigo comandante da Patrulha da Cidade de Porto Real e por pouco tempo Senhor de Harrenhal. Executado por insubordinação pelo Senhor Comandante Jon Snow.

Nos livros

Nas Crônicas de Gelo e Fogo, a Casa Slynt é fundada como uma recompensa pela ajuda de Janos Slynt na prisão de Eddard Stark. Janos leva para seu brasão uma lança sangrenta, de ouro em um campo preto e noturno.

Tywin Lannister ridiculariza a ascensão de Slynt ao senhorio e sua escolha de brasão quando ele ouve, comentando que "uma carne sangrenta seria mais apropriado", dado que o próprio Slynt era o filho baixo de um açougueiro. Na ordem de Tywin, Tyrion rejeita Janos quando ele chega na capital, exilando-o para a Muralha e arrancando sua família de Harrenhal - que ele realmente nunca pôs o pé. Tyrion sentiu que Janos não era confiável o suficiente para manter na corte real, mas ele permitiu que os filhos de Janos continuassem com seu estado recentemente enobrecido. "Casa Slynt", portanto, continuou a existir nominalmente, mas não possuía terras. Tyrion disse que tentaria encontrar terras menores para os filhos de Janos, mas não está claro se ele já fez.

Membros

  • Lord Janos Slynt
  • Lord Morros Slynt, seu filho mais velho, herda o título do pai depois que o último é enviado a Muralha.
  • Jothos Slynt, herdeiro de segundo filho de Morros.
  • Danos Slynt, seu filho mais novo.
  • uma filha.